O COMEÇO DA NOSSA HISTÓRIA

Um sonho antigo, cultivado pelas nossas famílias e enriquecido pelos nossos laços de amizade, se constituiu recentemente no nosso mais precioso projeto. Proporcionar a todas as pessoas o mesmo prazer sensorial em degustar a carne que sempre tivemos em nossas mesas. Assim, nasceu a aliança Ruby Beef.
Produzidos do pasto ao prato, através das melhores linhagens da raça Devon e com o inigualável tempero dos nossos campos, os cortes da Ruby Beef tem o poder de inundar os nossos sentidos com o seu aroma, maciez, textura e sabor. Seja bem-vindo ao nosso sonho e desfrute da incrível experiência de saborear o que há de melhor em carnes, com sabor de natureza.

5 PASSOS PARA A PICANHA PERFEITA

Sem dúvida um churrasco com os amigos no final de semana é sempre uma boa pedida.
Cerveja gelada, solzão, música rolando e o bom papo entre a galera, mas lembre-se que todos estão lá esperando pela carne que está no espeto ou na grelha!


Para você que adora ser o churrasqueiro da turma ou não quer ter o gasto de contratar um, hoje iremos mostrar em cinco passos bem simples como você mesmo pode cortar, amaciar e temperar a famosa picanha para manter a qualidade da carne e seu sabor para seus convidados.


1 – A picanha ideal

É sempre a mais desejada entre a galera. Seu formato triangular e a capa da gordura que dá o gostinho e suculência são facilmente reconhecíveis, portanto, cuidado na hora de comprar pois a picanha é uma carne que varia entre 1kg e 1,5kg, se alguém tentar lhe vender uma peça que tenha mais que isso não compre pois essas peças maiores incluem um pedaço de coxão duro.


2 – O primeiro corte

Para uma carne macia o corte dela antes de ir a grelha é bastante importante, a faca tramontina tem um corte preciso e seguro sem machucar a carne. Ao pegar a peça corte de forma vertical com a ponta do triângulo para baixo com dois a três dedos de espessura.


3 – Sal grosso e só o que você precisa

Para temperar a carne a técnica mais usada é salgar antes de espetar utilizando sal grosso. Esfregue gentilmente uma boa quantidade de sal grosso na carne em todas as partes da peça. Não se preocupe com o excesso aparente de sal, antes de servir dê uns tapinhas na carne com a faca para retirar o sal.


4 – É tudo uma questão de ângulo

Acredite a posição da carne seja no espeto ou na grelha ajuda na suculência daquela carne macia e saborosa que desmancha na boca. Para um sabor mais característico deixe a grelha ou o espeto que a picanha será assada um pouco inclinado para baixo. Assim na medida que a gordura derrete e escorre sobre a peça, irá deixá-la com o sabor perfeito para quem gosta de picanha de primeira. O tempo ideal para cozimento é de 20 minutos, alternando os lados na medida que for assando.


5 – “Director’s cut”

Depois de assada, é sempre bom dar uns tapinhas para tirar o excesso de sal. O mais importante agora é garantir o corte correto para a maciez completa! Ao cortar respeite o alinhamento das fibras e corte no sentido contrário. Coloque a peça na horizontal e corte em fatias finas garantindo assim suavidade no sabor.

  • Armando Salis
    Armando Salis

    Frigorífico Campeiro

    “Nós, do Frigorífico Campeiro, estamos muito satisfeitos em também poder integrar um programa como o do Ruby Beef que visa qualificar a carne produzida em nosso estado, trazendo para o processo nossa experiência como parte industrial deste processo.”

  • Henrique Ribas
    Henrique Ribas

    Ruby Beef

    “O Ruby Beef, para nós, das cabanhas produtoras, é a realização de um sonho: em poder ofertar para o consumidor o mesmo padrão de carnes que estamos acostumados a consumir, sabedores que somos da qualidade diferenciada que é a carne do DEVON.”